segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Círculo Vicioso

Esta sou eu.
Novamente cheia de sentimentos.
Mesmo que não os identifique - não saiba de onde vieram e para quem são - eles estão aqui, preenchendo meu coração e embaralhando meus pensamentos.
Eles são bem-vindos! Pois são do bem. Inquietos, mas, alegres, leves, suaves e cheios de amor.
Liberam uma energia que se transforma em alegria. Levando-me a querer abraçar o mundo. A olhar meu semelhante com ternura e afeição.
E vira um círculo vicioso. Quanto mais libero este sentimento, ele sempre retorna a mim. E cada vez mais forte.
Ah! Como eu gostaria que este círculo fosse blindado à prova dos indesejáveis. Mas ele é inocente, e permite a passagem dos descomedidos, que o quebra e me tiram do centro, algumas vezes provocando minha instabilidade.
Beatriz Napoleão